PT | EN


Exposição ‘Vamos Tod@s pelos Objetivos Globais’ no Camões, I.P.

A exposição "Vamos Tod@s pelos Objetivos Globais" dinamizada pela Rede Intermunicipal de Cooperação para o Desenvolvimento (RICD), no âmbito do projeto Redes para o Desenvolvimento: Educação Global para uma Cooperação mais Eficiente, está patente nas instalações do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., até ao dia 20 de setembro de 2017. 

Esta nova exposição, que complementa a exposição já existente “Objetivos Globais para um Desenvolvimento Sustentável”, é composta por 4 módulos com 8 painéis expositivos, onde os visitantes são convidados a conhecer os 5 Princípios - “P’s” -  que norteiam a Agenda 2030: Pessoas, Prosperidade, Planeta, Paz e Parcerias. Todos os painéis têm uma componente interativa e há ainda um painel com um apelo global à ação e um painel onde os visitantes são convidados a votar no seu Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) favorito.

Com esta exposição, a Rede Intermunicipal de Cooperação para o Desenvolvimento (RICD) demonstra o seu empenho na concretização dos ODS, reconhecendo o Desenvolvimento Sustentável como um dos grandes desafios mundiais. A RICD acredita que só uma verdadeira parceria glocal poderá garantir um mundo mais justo, mais digno e mais inclusivo, e por isso considera fundamental levar esta exposição ao maior número de pessoas possível de forma a informar e sensibilizar o público para este desafio mundial que nos envolve a Tod@s: entidades públicas, privadas e sociedade civil.
 
Venha visitar a Exposição “Vamos Tod@s pelos Objetivos Globais”, de 2ª a 6ª feira, das 9h30 às 18h30, na Sala Camões – Avenida da Liberdade, 270 em Lisboa. A entrada é livre. Contamos consigo! 

A partir do dia 21 de setembro, a exposição estará patente em Cascais, município membro da RICD.

Leia aqui o Compromisso da Rede Intermunicipal de Cooperação para o Desenvolvimento de instigar os seus membros a transformar O Nosso Mundo - a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

Projeto implementado em Portugal pelo IMVF, pela Câmara Municipal de Loures e pela Câmara Municipal do Seixal, com o financiamento da União Europeia e do Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P. Saiba mais aqui.

Outras informações:
A Rede Intermunicipal de Cooperação para o Desenvolvimento (RICD), formalmente criada a 15 de março de 2013, é constituída por 20 municípios portugueses comprometidos com a realização de um trabalho mais estruturado e eficaz no combate à pobreza no âmbito das suas ações de Cooperação para o Desenvolvimento com entidades congéneres nos Países de Língua Oficial Portuguesa. São membros constitutivos da Rede os seguintes municípios: Alfândega da Fé, Amadora, Cascais, Estarreja, Faro, Fundão, Grândola, Loures, Maia, Marinha Grande, Matosinhos, Miranda do Corvo, Moita, Odivelas, Oeiras, Ourém, Palmela, Seixal, Setúbal e Vila Nova de Poiares. O secretariado executivo da Rede é assegurado pelo IMVF – Instituto Marquês de Valle Flôr.
 
A Agenda 2030, aprovada a 25 de setembro de 2015 na Assembleia Geral das Nações Unidas, e em vigor desde 1 de janeiro de 2016, integra 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e 169 metas a prosseguir nos próximos 15 anos. É um repto para todos em todos os lugares do mundo criarmos um novo modelo global para acabar com a pobreza, promover a prosperidade e o bem-estar de todos, proteger o ambiente e combater as alterações climáticas. 

Voltar

Partilhar:
Homepage Imprimir Enviar

Saiba mais sobre o IMVF

Saiba mais sobre o IMVF

O mundo enfrenta hoje grandes desafios. Os Objetivos de Desenvolvimento do Milénio estão apenas parcialmente cumpridos e as ameaças à segurança alimentar, ao fornecimento de energia, bem como as alterações climáticas exigem a mobilização de todos os cidadãos para lutar contra a pobreza.
O IMVF – Instituto Marquês de Valle Flôr é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD) que acredita no esforço conjunto dos milhões de pessoas que em todo o Mundo procuram promover o desenvolvimento junto das populações mais carenciadas.