PT | EN


Política de Privacidade

O IMVF compreende a necessidade de proteção dos dados pessoais de todos os visitantes do site institucional e respeita o seu direito à privacidade. Como tal, garantimos que todos os dados que aqui possam vir a ser colocados ficarão em segurança.

Informação

Todo o conteúdo publicado neste site é da responsabilidade do Instituto Marquês de Valle Flôr, não podendo, em caso algum, ser tomado como expressão das posições de co-financiadores. O IMVF não toma, no entanto, partidos ou assume tendências perante opiniões da responsabilidade de entidades externas ao IMVF.

Toda a informação escrita constante deste site obedece às normas instituídas no Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

O espólio de imagens presente no site é resultado do importante contributo dos colaboradores, parceiros locais e demais entidades que colaboram com o IMVF.

O IMVF utiliza o copyeft. Toda a informação disponibilizada neste site pode ser utilizada desde que para fins lícitos e com referência expressa à sua fonte.

Dados Pessoais

A recolha de dados pessoais neste site é realizada através da sua disponibilização, voluntária, pelos seus titulares e mediante o pleno conhecimento da sua finalidade. Todos os dados requeridos são adequados ao fim a que se destinam, não solicitando o IMVF dados do foro privado dos indivíduos.

Os utilizadores têm a hipótese de deixar o(s) seu(s) contacto(s) através de  formulário disponível on-line, em respeito por normas de transparência e segurança. O acesso aos dados é feito apenas pelo IMVF, que garante que os dados recebidos não serão utilizados para qualquer outro fim.


 
Partilhar:
Homepage Imprimir Enviar
08 Aug 2017

Conversas Coerentes | “Coerência das Políticas para o Desenvolvimento: Erradicação da Pobreza e promoção da prosperidade”

No âmbito do projeto Coerência.pt: o Eixo do Desenvolvimento mais Justo, mais Digno, mais Sustentável, a FEC - Fundação Fé e Cooperação, o IMVF e a CIDSE irão dinamizar, no próximo dia 7 de setembro de 2017,  no Auditório do Camões, I.P., a segunda edição do ciclo “Conversas Coerentes”. O tema desta conversa será “Coerência das Políticas para o Desenvolvimento: Erradicação da Pobreza e promoção da prosperidade”. 
 
25 Jul 2017

2.º Comité de Pilotagem do projeto UE-PAANE - Fase di Kambansa

O 2.º encontro do Comité de Pilotagem do projeto UE-PAANE - Fase di Kambansa teve lugar no dia 19 de julho de 2017, na sede do projeto, em Bissau. Neste encontro, que contou com a presença de 11 dos 13 membros que formam o referido Comité, foram apresentadas as atividades desenvolvidas entre julho de 2016 e junho de 2017 no âmbito do projeto. Este é o segundo de 3 encontros do Comité de Pilotagem já realizados no decorrer da implementação do UE-PAANE - Fase di Kambansa.
20 Jul 2017

3 projetos plurianuais do IMVF vão receber financiamento do Camões, I.P.

No âmbito das candidaturas à Linha de Cofinanciamento de Projetos de Cooperação para o Desenvolvimento 2017, o IMVF viu aprovado financiamento por parte do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P. para 3 projetos plurianuais, já contratualizados: em Cabo Verde, o Projeto de Dinamização e Requalificação Turística na Ilha do Maio, e na Guiné-Bissau os projetos Nô Fia Na Crias - Sistema Integrado Cooperativo e Comunitário de Produção Avícola, Caprina e Derivados para a Região de Cacheu e Etikapun n’há – Urok, Laboratório de Resiliência da Cultura Bijagó.
19 Jul 2017

Projeto Fruta Tropical Justa divulga estudo sobre pesticidas nas plantações de bananas no Equador

Este estudo, desenvolvido no âmbito da campanha Fruta Tropical Justa/ Make Fruit Fair, teve como objetivo averiguar as condições de vida e de trabalho, o bem-estar e a saúde de trabalhadores agrícolas e de pequenos agricultores em plantações de modo de produção biológico/justo e de trabalhadores em explorações convencionais, que usam biocidas, nas províncias de Los Rios e El Oro, no Equador, país considerado o maior exportador de bananas do mundo.
18 Jul 2017

UE-ACTIVA - Eixo 1: Governação Territorial financia projetos de 8 ONG guineenses

O programa UE-ACTIVA - Ações Coletivas e Territoriais Integradas para a Valorização da Agricultura - Eixo 1: Governação Territorial concedeu financiamento, no valor de cerca de 600 mil euros, a 8 Organizações Não Governamentais (ONG) da Guiné-Bissau, para a implementação de projetos de desenvolvimento agrícola nas regiões de Quinara, Tombali e Bafatá.