PT | EN


Apoio à Gestão e Organização da Municipalização dos Serviços de Saúde na República de Angola, Benguela

Localização: Angola - municípios de Benguela, Lobito e Ganda, Província de Benguela
Duração: de maio de 2016 a maio de 2018
Beneficiários:
Diretos: a rede sanitária de Benguela constituída por 26 centros de saúde, 1 centro materno-infantil, 10 hospitais municipais, 3 hospitais provinciais, 140 postos de saúde e 7 unidades de saúde não tipificáveis. A soma destas unidades sanitárias perfaz um total de 187 infraestruturas sanitárias. (1) A rede sanitária do Bié constituída por 6 centros de saúde, 3 centros materno-infantis, 10 hospitais municipais, 3 hospitais provinciais e 80 postos de saúde. A soma destas unidades sanitárias perfaz um total de 102 infraestruturas sanitárias.*
 
Indiretos: a população residente em Benguela (cerca de 2.036.662 pessoas, sendo 961.484 do sexo masculino e 1.075.178 do sexo feminino) e a população residente no Bié (cerca de 1.338.923 habitantes, sendo 636.370 do sexo masculino e 702.553 do sexo feminino).
 
* Dados do Ministério da Saúde de Angola (MINSA) relativos a 2006.
Objetivos:
Geral: apoiar o processo de municipalização dos serviços de saúde, concretamente, apoiando a sua organização e gestão e dando suporte continuado e presencial (seguimento) às atividades de planificação, execução, monitoria, supervisão, garantia de informação, e outras relacionadas.
 
Específico: apoiar a organização e gestão do processo de municipalização em 3 municípios por província abrangida: Benguela, Lobito e Ganda.
Atividades:
Resultados Esperados:

- Processos de planificação, orçamentação e monitoria da execução, que permitam a elaboração autónoma dos planos anuais orçamentais, planos de monitoria da execução, e guiões de planificação provincial e municipal das Direções Municipais de Saúde (DMS), apoiados;

- Elaboração e atualização dos mapas sanitários municipais das DMS utilizando o modelo elaborado pelo Sistema de Informação Geográfica apoiadas;

- Processos para a disponibilização atempada e com qualidade dos dados de rotina das DMS apoiados;

- Processos de elaboração de relatórios periódicos (mensais, trimestrais e anuais) das DMS apoiados;

- Atividades de capacitação e de implementação nas Direções Provinciais de Saúde (DPS) e nas DMS dos conteúdos da nova regulamentação (Regulamento Geral das Unidades Sanitárias, apoiadas e realizadas;

- Processos de coordenação com outros parceiros nos níveis provincial e municipal apoiados;

- Processos de melhoria da supervisão integrada nas DMS apoiados;

- Processos de instalação e funcionamento dos comités de auditorias e prevenção de mortes maternas, neonatais e infantis no nível municipal, apoiados.
Parceiros:
AEDES – L’ Agence Européenne pour le Développement et La Santé
Partilhar:
Homepage Imprimir Enviar
19 Jan 2018

Projeto Economia Social e Solidária apresenta policy paper em Bruxelas

Na próxima terça-feira, dia 23 de janeiro de 2018 será apresentado no Parlamento Europeu, em Bruxelas, o policy paper "Maximizar a Dignidade através da Economia Social e Solidária", promovido pelo consórcio SUSY, constiuído por 26 parceiros de 23 países europeus.  A apresentação será transmitida via live streaming através da página de Facebook  do projeto a partir das 10 horas.
15 Jan 2018

Lançamento oficial do Projeto de Turismo Solidário e Comunitário na Ilha do Maio, em Cabo Verde

O evento que marca o arranque oficial do Projeto de Turismo Solidário e Comunitário na Ilha do Maio vai decorrer no próximo dia 16 de janeiro, às 16 horas, no Salão Nobre Isaac Pinheiro, nos Paços do Concelho da Câmara Municipal do Maio, em Cabo Verde.
11 Jan 2018

UE-PAANE: Sindicato do setor da saúde capacitado em ação sindical e advocacia

Teve lugar entre os dias 11 e 15 de dezembro de 2017, na sede do UE-PAANE, a formação em “Ação Sindical e Advocacia no Âmbito da Saúde”. A atividade aconteceu no quadro do Gabinete de Apoio Permanente (GAP) do UE-PAANE - Fase di Kambansa e reuniu 28 sindicalistas membros do SINETSA – Sindicato Nacional dos Enfermeiros, Técnicos de Saúde e Afins. 
11 Jan 2018

UE PAANE: RENAJ projeta ações para os próximos 5 anos

O Gabinete de Apoio Permanente (GAP) do UE-PAANE - Fase di Kambansa colocou em prática mais uma ação: trata-se da assistência técnica e formação dada à Rede Nacional das Associações Juvenis – RENAJ para a elaboração do seu novo plano estratégico (o último vigorou até 2015). A atividade teve lugar entre os dias 4 e 12 de dezembro de 2017, na sede do UE-PAANE, e contou com a presença de 20 participantes. 
21 Dec 2017

Montemor-o-Novo recebe sessão sobre Economia Social e Solidária e Desenvolvimento Sustentável

Como podemos promover a Economia Social e Solidária (ESS) nos processos de Desenvolvimento Local e Global? Qual a importância da ESS na nova Agenda de Desenvolvimento 2030? Como podemos potenciar a aplicação da ESS em projetos atuais e futuros? Venha descobrir a resposta a estas e outras questões no próximo dia 19 de janeiro de 2018, a partir das 10h, no Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Faria em Montemor-o-Novo.