PT | EN

Projeto de Gestão Sustentável dos Recursos Naturais Florestais

Os recursos florestais têm um papel preponderante no combate à fome e a pobreza, com impacto na atividade agrícola para autoconsumo e nas atividades geradoras de rendimento para as populações.
Localização: República de Angola, Província do Huambo, Município da Ecunha, Comunas da Ecunha e do Chipeio
Duração: 32 meses - março 2011 a outubro 2013
Beneficiários:
Diretos: Técnicos da Administração Municipal e EDA; representantes das Organizações da Sociedade Civil; viveiristas; fruticultores e silvicultores; apicultores; professores e alunos.

Indiretos: Toda a população do Município de Ecunha (estimada em 84.560 hab.).
Objetivos:
Geral: Contribuir para o aumento do impacto do setor dos recursos naturais no processo de desenvolvimento económico do Município da Ecunha e para a redução da pobreza e desenvolvimento social do Município da Ecunha.

Específico: Desenvolver um modelo de gestão sustentável dos recursos naturais nas zonas florestais do Município da Ecunha.
Atividades:
- Programa de Assistência Técnica e Capacitação à Repartição de Agricultura/florestas – Administração Municipal da Ecunha, EDA e OSC;
- Alargamento e Reforço da produção do Viveiro Municipal Frutícola e Silvícola;
- Incentivo e alargamento das áreas e do potencial produtivo frutícola e silvícola nas Aldeias;
- Promoção e Reforço de Atividades Não-Lenhosas: Setor Apícola Tradicional;
- Sensibilização e Educação para o desenvolvimento sustentável dos recursos naturais.
Parceiros:
Coopecunha – Cooperativa Agrícola da Ecunha
Partilhar:
Homepage Imprimir Enviar
O IMVF está hoje presente em todos os Países de Expressão Portuguesa.
Conheça o nosso trabalho em cada um deles!

12 Ago 2014

Nova plataforma online permite divulgar trabalho das organizações da sociedade civil guineense

Criada no âmbito do programa “No Pintcha pa Desenvolvimentu” - Programa de Apoio aos Atores Não Estatais (UE-PAANE), gerido na Guiné-Bissau pelo IMVF e pela CESO, a nova plataforma pretende ser uma base de dados acessível em qualquer parte do mundo, de forma a permitir um melhor conhecimento das organizações da sociedade civil guineense e das suas atividades.
11 Ago 2014

5ª edição do Congresso iMed: IMVF apoia estágios de jovens médicos no projeto Saúde para Todos

O IMVF foi um dos parceiros e membros da comissão de honra do Congresso iMed5.0 - Innovating Medicine, apoiando esta iniciativa anual através da atribuição de estágios médicos, no âmbito do projeto Saúde para Todos, em São Tomé e Príncipe. Maria Catarina Damásio e Marta Pimenta foram uma das três duplas de jovens que carimbaram o passaporte para duas semanas de estágio em cuidados de saúde primários e que relatam a sua experiência no terreno, mostrando a importância desta iniciativa na formação de um jovem médico.
08 Ago 2014

Coerência das Políticas para o Desenvolvimento no âmbito das pescas em Cabo Verde: estudo de caso

As implicações das políticas promovidas em Cabo Verde na última década no setor das pescas, bem como o respetivo impacto na sociedade cabo-verdiana, são objeto do estudo de caso lançado pelo IMVF, em parceria com a plataforma das ONG de Cabo Verde, que aponta as boas práticas, mas também as possíveis incoerências surgidas na implementação das politicas públicas.
30 Jul 2014

Primeiro ano do Programa Integrado para a Redução da Mortalidade Materno-Infantil assinalado com cerimónia pública, na Guiné-Bissau

A Delegação da União Europeia junto da República da Guiné-Bissau, a UNICEF e as ONG Instituto Marquês de Valle Flôr e Entraide Médicale Internationale assinalaram, no dia 24 de julho de 2014, a conclusão do primeiro ano de atividades do Programa integrado para a redução da mortalidade materno-infantil na Guiné Bissau – PIMI.
25 Jul 2014

Seminário reúne sociedade civil e governo timorense em torno de objetivos comuns no setor da segurança alimentar

A crescente proximidade entre a sociedade civil timorense e o Ministério da Agricultura e Pescas, demonstrada no seminário organizado pela HASATIL - Rede de ONG de Agricultura Sustentável de Timor-Leste, no dia 15 de julho, em Díli, no âmbito do projeto de Fortalecimento Institucional implementado pelo IMVF, veio demonstrar o papel indispensável de cada um destes atores na luta contra a fome e a má nutrição e do diálogo entre ambos, no contexto atual do país, em que 80% da população vive dependente da agricultura, pesca e floresta.