SUPERAR a Pandemia nas ilhas de Santo Antão, São Vicente e Maio

Cabo Verde

Na sequência da pandemia de COVID-19, que tem afetado o mundo, Cabo Verde não foi exceção. O cancelamento de todas as viagens nacionais e internacionais e atividades económicas direta e indiretamente ligadas ao turismo, num curto espaço de tempo, tem colocado em risco a sobrevivência de pequenos restaurantes e unidades de alojamento, assim como de pequenas unidades de transformação agroalimentar. Neste sentido, mitigar os efeitos da pandemia nos setores direta e indiretamente ligados ao turismo é uma prioridade para superar os efeitos da pandemia no desemprego e na pobreza.  

 

OBJETIVOS  

Geral: mitigar os efeitos da pandemia COVID-19 na economia local em Cabo Verde. 

Específico: apoiar o reinício da atividade económica, de forma segura, nas Ilhas de Santo Antão, São Vicente e Maio. 

BENEFICIÁRIOS  

Diretos: operadores turísticos (guias, agências de viagem, restauração, hotelaria); empresários, associações e cooperativas ligados indiretamente ao turismo (agroalimentar, agentes culturais); artesãos; jovens e mulheres, as suas associações e cooperativas das ilhas de Santo Antão e Maio. 

Indiretos: populações da ilha de Santo Antão (38.750 habitantes) e do Maio (cerca de 7.000 habitantes).  

 

 

RESULTADOS E ATIVIDADES 

Adoção de  medidas de segurança anti COVID-19 por parte das empresas 

  • Produção de manual com boas práticas de higiene e segurança com medidas especificas para cada setor;  
  • Ações de formação para restaurantes, alojamentos, guias, condutores e produtores agroalimentares;  
  • Promoção da produção local de máscaras;  
  • Fabricação digital de viseiras;  
  • Distribuição de materiais de proteção junto de atividades económicas em contacto com o publico. 

 

Aumento da capacitação das empresas para o reinício da atividade

  • Adaptação das empresas para a adoção de medidas de segurança anti covid-19; 
  • Ação de formação em gestão de redes sociais; 
  • Plataforma online com campanha de vouchers ao consumo interno. 

 

Reforço da promoção turística

  • Produção de 2 spots de vídeo promocionais; 
  • Campanha de marketing digital. 

 

Reforço da sensibilização para a adoção de medidas preventivas

  • Campanha de sensibilização nas rádios; 
  • Divulgação de medidas preventivas nas redes sociais; 
  • Divulgação de medidas preventivas com animadores de rua.