Entre 31 de março e 7 de abril 2019, a caravana Tekki Fii percorreu o país apresentando um novo programa e os novos parceiros de desenvolvimento presentes no país.

Financiado pelo Fundo Fiduciário da União Europeia para África (EUTF para África), o programa Building a Future: Make it in The GambiaTekki Fii na língua local, wollof – reforça a presença de atores internacionais para o desenvolvimento, nomeadamente através da Cooperação Portuguesa e das agências de desenvolvimento belga (ENABEL) e alemã (GIZ), e tem como objetivo aumentar as oportunidades económicas e sociais disponíveis para os jovens gambianos, especialmente nas áreas rurais do país.

O IMVF assegura a implementação da componente do Programa atribuída à Cooperação Portuguesa, em parceria com a Agency for the Development of Women & Children, a Alianza por la Solidaridad e a United Purpose.

O projeto tem como objetivos dinamizar cadeias de valor de agronegócio sustentáveis e promover a coesão social, contribuindo para mitigar alguns dos fatores impulsionadores das migrações irregulares.

Durante uma semana, a caravana Tekki Fii percorreu as várias regiões da Gambia, promovendo diálogos intergeracionais, debates temáticos, atividades desportivas e culturais. Energia solar, construção, indústrias criativas, empreendedorismo, agronegócio, foram alguns dos sectores representados levando as comunidades a refletir sobre as oportunidades de desenvolvimento rural. A seu cargo, o IMVF e parceiros tiveram a organização de jogos de futebol – femininos e masculinos – e a dinamização de fóruns de discussão em torno do agro-negócio (The Farmer’s House).

A caravana teve início no dia 31 de março na cidade de Farafenni, e seguiu para Basse, Brikama Ba, Kaur, Jarra Soma, Brikama West Coast. No dia 7 de abril, o lançamento oficial decorreu no Independence Stadium, contando com a presença da Vice-Presidente Isatou Touray e do Embaixador da UE, Attila Jalos. O contributo do programa e das ações dos novos parceiros de desenvolvimento para o cumprimento dos objetivos do Plano Nacional de Desenvolvimento 2018-2021 foi sublinhado nas várias intervenções.