No quadro do projeto Tekki-Fii – Building a Future: Make it in The Gambia, o IMVF em parceria com o Conselho Nacional da Juventude e o Conselho Nacional do Desporto da Gâmbia organizaram 2 fóruns regionais dirigidos aos jovens das regiões de Central River (CRR), Lower River (LRR), Upper River (URR) e North Bank (NBR), nos dias 17 e 19 de agosto.

A estes fóruns de debate (Bantaba), ocorridos em Farafenni e em Basse, seguiram-se dois jogos de futebol, juntando equipas femininas e masculinas de cada região. Estes encontros reuniram cerca de 300 jovens e constituíram uma plataforma para discussão em torno de três temas: oportunidades de agronegócio e empreendedorismo, papel do desporto no desenvolvimento, riscos da migração irregular e oportunidades de migração regular. Através do debate e da partilha de experiências procurou-se estimular uma atitude reflexiva, encorajando o envolvimento ativo dos jovens no desenvolvimento comunitário e promovendo o seu reconhecimento como importantes agentes de mudança.

Lamin Darboe, diretor executivo do Conselho Nacional de Juventude, relembrando a importância conferida aos jovens no Plano Nacional de Desenvolvimento, desafiou os jovens da Gâmbia a participar ativamente no desenvolvimento do país e na construção do seu próprio futuro, fazendo o melhor uso possível das oportunidades disponíveis. Neste contexto, agradeceu o apoio do projeto em prol do empoderamento e capacitação dos jovens.

Joana Martins, coordenadora do projeto, descreveu estes Bantabas como uma oportunidade também para promover o debate e a interação entre jovens de diferentes regiões, considerando que a partilha de experiências é fundamental para encontrar soluções eficazes para os desafios do desenvolvimento, muitas vezes comuns às diversas regiões.

Os bantabas contaram com a presença dos Governadores e demais autoridades regionais, sendo por todos reconhecido que os jovens são o principal recurso de desenvolvimento das regiões, que importa ser estimulado e capacitado.

O IMVF assegura a implementação da componente do Programa Tekki Fii atribuída à Cooperação Portuguesa, em parceria com a Agency for the Development of Women & Children, a Alianza por la Solidaridad e a United Purpose. O programa Tekki Fii é financiado pelo Fundo Fiduciário da União Europeia para África.

O projeto tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento socioeconómico das zonas rurais, contribuindo para mitigar alguns dos fatores impulsionadores das migrações irregulares.