Redes para o Desenvolvimento: Educação Global para uma Cooperação mais Eficiente

Portugal, Alemanha, Espanha, Holanda

A presente ação irá manter, reforçar e expandir o trabalho já iniciado ao longo do projeto anterior – Redes para o Desenvolvimento: da geminação a uma cooperação mais eficiente – em colaboração com Autoridades Locais portuguesas, alemãs, espanholas e holandesas. Estas irão intensificar as suas iniciativas de Educação e Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento e aprofundar o envolvimento e as atividades de networking com outros stakeholders. A ação pretende, igualmente, promover um discurso coerente e harmonizado das Autoridades Locais relativamente ao Desenvolvimento e à Cooperação Intermunicipal.

Visite o site do projeto: www.redesparaodesenvolvimento.org

 

BENEFICIÁRIOS:

Diretos:

Portugal: 30 Autoridades Locais (AL) [15 que já estão a trabalhar na rede e 15 novas] e 60 funcionários de AL encarregues das iniciativas de Geminação e Cooperação Descentralizada.

 Alemanha: 15 AL e os funcionários respetivos que são responsáveis pela geminação, cooperação internacional e/ou Agenda Local 21, incluindo Educação para o Desenvolvimento.

Espanha: 1 AAL (Associações de Autoridades Locais) com 95 AL como associadas.

Holanda: 13 AL ativas e os seus funcionários e departamentos de negócios e educação.

Em todos os países serão envolvidos os munícipes das AL, grupos de sociedade civil (20 Organizações Não Governamentais para o Desenvolvimento) e privados.

Indiretos: população em geral, alvo das ações de Educação Global, Sensibilização e Advocacy e como utilizadores da plataforma virtual.

OBJETIVOS:

Geral: encorajar as ações de Educação para o Desenvolvimento das Autoridades Locais e das Associações de Autoridades Locais, para apoiar processos de diálogo construtivos e ativos nas suas comunidades e promover o cumprimento de compromissos de desenvolvimento internacional.

Específicos: promover as capacidades das Autoridades Locais como atores efetivos da Educação e Cooperação para o Desenvolvimento; criar oportunidades para as comunidades e os cidadãos se envolverem em ações promovidas a nível local, através do seu acesso mais amplo a informação sobre assuntos globais de desenvolvimento; e promover uma cooperação estreita e sinergias entre as Autoridades Locais e Atores Não Estatais de Portugal, Alemanha, Espanha e Holanda.

 

ATIVIDADES:

Resultado Esperado 1: Trabalho em rede entre AL/ANE Europeus e outros atores globais na área do Desenvolvimento fortalecido

Atividade 1: Redes de AL europeias a trabalhar entre si
Atividade 2: Redes de AL europeias a trabalhar com países parceiros
Atividade 3: Diálogo das AL com intervenientes nacionais e internacionais sobre questões de Desenvolvimento

Resultado Esperado 2: Abordagens inovadoras em educação global, por parte das Autoridades Locais, melhoradas e promovidas

Atividade 4: Iniciativas de educação global e sensibilização

Resultado Esperado 3: Capacidade das Autoridades Locais em serem reconhecidas enquanto atores de Desenvolvimento melhorada

Atividade 5: Campanhas e Advocacy das AL para o Desenvolvimento

Atividade 6: Monitorização e avaliação

 

PARCEIROS:

  • Câmara Municipal de Loures
  • Câmara Municipal do Seixal
  • Rede Intermunicipal de Cooperação para oDesenvolvimento (RICD)
  • Forum für internationale entwicklung + planung (fine+p)
  • Municípiode Erlangen
  • Fondo Galego de Cooperación e Solidariedade (FGCS)
  • Landelijk Beraad Stedenbanden Nederland – Nicarágua (LBSNN)
  • Município de Helmond
  • Município de Zoetermeer
  • Município de Maastricht